UMA MULHER SÓ – Teatro das Beiras

SEX. 23 NOVEMBRO | 21h30

Duração: 60 min // + 12 anos
Bilhetes: €10 (<30; >65 – €7.50)

 

 

Situação prosaica: uma mulher começa a cumprir a rotineira tarefa doméstica de engomar. Subitamente, dá conta que no prédio defronte, num apartamento até então desabitado, se instalou uma inquilina. Tudo muda. Começa então entre elas uma conversa – na verdade, um solilóquio – na qual, sob múltiplos aspectos, se evidencia a relação homem-mulher. Diz Unamuno que A mais viva expressão de amor é “Eu comia-te!” (…) Só que hoje já não comemos as carnes; comemos as almas! É desta matéria, na sua abrangência metafórica, que falará o espectáculo na linha do desfio lançado por Franca Rame: Há dois mil anos que choramos. Vamos agora rir, rir de nós próprias.

 

Autor: Franca Rame e Dario Fo // Encenação: Luís Vicente // Cenografia: Luís Mouro // Interpretação: Antónia Terrinha // Desenho de luz: Fernando Sena // Produção: Celina Gonçalves // Promotor: ACTA

 

Comprar Bilhetes